CÃORREATA HOMENAGEIA PETS, UM DOS HERÓIS DA PANDEMIA

Os organizadores do evento destacam a importância dos pets na saúde mental das famílias em tempos de confinamento social

No dia dedicado a São Francisco de Assis, o protetor dos animais – celebrado no dia 4 de outubro – haverá uma dose extra de cães e gatos passeando na orla de Salvador. Neste ano de pandemia, a data cai num domingo, oportunidade ainda maior para reunir as famílias, cada uma em seu carro ao longo da “Cãorreata”, primeiro evento organizado pelo hospital veterinário Planeta Animal em parceria com a Agromix Pet Center neste formato, a partir das 9h, no trecho da Barra até a Boca do Rio. 

 “Essa é uma oportunidade para registrar que os pets também são verdadeiros heróis nessa pandemia, só que eles estão dentro dos lares, ajudando na saúde mental de seus tutores e suas famílias durante a quarentena”, disse a médica veterinária Gabriela Azevedo, sócia do Planeta Animal.  No ano passado, a Organização Mundial de Saúde (OMS) divulgou estudo confirmando que a população brasileira é a mais ansiosa do mundo, com 18,6 milhões de pessoas (9,3% da população) convivendo com o transtorno.

 Não por acaso o evento traz o tema “Pets, os heróis da pandemia”, com direito a distribuição no final do percurso de kit com uma capa de super-herói para o animal e uma máscara de proteção para o tutor, por veículo, em troca de pelo menos um 1Kg de ração animal para cães ou gatos que será doado para abrigos de proteção animal.

 A expectativa dos organizadores é que a “Cãorreata” reúna cerca de 200 veículos ao longo da orla marítima. Além do Planeta Animal e da Agromix, o evento tem o apoio de Ourofino, Farmina e Zoetis. Em função do isolamento social, o Planeta Animal e a Agromix Pet Center mudaram o formato do evento este ano, dando uma pausa na tradicional “Cãominhada”, que no ano passado celebrou 15 anos em Salvador como iniciativa pioneira da causa animal, gratuita, e realizada nas praças públicas da capital baiana ao longo de uma programação de cinco horas para os pets e seus tutores.

Serviços em alta – Com as famílias reclusas em seus lares, os laços com os Pets ficaram mais próximos e – prova disso – é que o setor não deve amargar prejuízos durante a pandemia, mesmo porque a atividade foi incluída na lista de serviços essenciais pela maioria das gestões municipais em todo o país. 

 A médica veterinária Gabriela Azevedo revela que nos meses de abril a agosto deste ano – em plena pandemia – o faturamento das três unidades do Planeta Animal na capital baiana – Centenário, Imbuí e Rio Vermelho – aumentou cerca de 20%, em médica, considerando-se o mesmo período do ano passado. Já o número de atendimentos de pets cresceu 30%, neste mesmo intervalo. Os serviços mais demandados foram consultas, vacinas e check-ups.

 “Decidimos fazer a Cãorreata por reconhecer a importância dos pets na vida das pessoas durante o período de isolamento social. É muito importante considerar ainda a necessidade de oferecer uma atividade de cuidado com a saúde mental para os tutores e de chamar a atenção da sociedade sobre a importância dos animais em nossas vidas”, destacou a médica veterinária. 

 O sócio da rede Agromix Pet Center, Elder Macedo, também afirmou que o comportamento do consumidor mudou, principalmente no início da pandemia, já que havia incertezas por parte do cliente sobre a garantia de produtos em estoque. “Como tudo era incerteza sobre a falta de produtos nas prateleiras, houve um aumento acima da média de faturamento. Com o decorrer dos dias, nossas autoridades entenderam que havia uma necessidade de interceder de forma mais emergencial em alguns bairros, devido ao aumento de casos de COVID-19. Neste contexto, nossos clientes optaram por receber nossos produtos em casa, contribuindo ainda mais para a expansão do delivery, proporcionando um crescimento de 30% nas vendas”, disse o empresário. 

 Elder Macedo lembra ainda que a quarentena afetou, principalmente, o comportamento dos clientes nos bairros onde houve lockdown. “As pessoas se deslocaram para as unidades em outros bairros, cujas lojas estiveram abertas. Desta forma, observamos uma forte inclinação das vendas para o delivery em todas as unidades”, acrescentou.

 Além da pandemia, Elder Macedo afirma que o aumento natural da população de pets também é uma tendência que contribui para o bom desempenho do setor. “Esta expansão é uma tendência do homem, que vem buscando cada vez mais interagir com o animal de estimação, encontrando nesta relação uma reciprocidade afetuosa”, destacou Macedo. Durante a pandemia, a Agromix Pet Center expandiu sua rede em 50% com a inauguração de três unidades – Stella Maris, Stiep e Sete Portas.

 No ano passado, a indústria pet no Brasil faturou R$ 22,3 bilhões, sendo que o segmento de Pet Food participa com 75,3% do setor, seguido por Pet Vet (18,4%) e Pet Care (8,3%), de acordo com dados divulgados pela Associação Brasileira da Indústria de Produtos Animais de Estimação (Abinpet).

Animais de estimação – Há cerca de 141,6 milhões de animais de estimação no Brasil, de acordo com números divulgados pelo Instituto Pet Brasil, em 2019. Os cães lideram o ranking com o total de 55,1 milhões de animais. Na sequência, aparecem as aves canoras e ornamentais, com 40 milhões, seguido pelos gatos – os bichanos já são 24,7 milhões de pets no país, sendo que os peixes ornamentais participam do grupo  no número 19,4 milhões de animais de estimação. 

S E R V I Ç O –  C Ã O R R E A T A  

A B E R T A   A O  P Ú B L I C O  E  G R A T U I T A

Concentração:

Clínica Planeta Animal – Avenida Centenário 

Percurso: Orla marítima de Salvador

Barra – Boca do Rio (15 Km)

Compartilhe essa postagem