Centro Histórico ganha painel grafitado em homenagem a Clarice Lispector

Obra será assinada pelos artistas Raphael Ribeiro e Oliver Dórea, no ME Ateliê da Fotografia, dia 10 de dezembro

A escritora e jornalista Clarice Lispector (1920-1977) será homenageada mais uma vez em solo baiano no próximo dia 10 de dezembro, quinta-feira, a partir das 10h, na Ladeira do Boqueirão – Centro Histórico de Salvador. Na ocasião, estarão reunidos os artistas de grafite Raphael Ribeiro (Tipografite Studio), o artista plástico Oliver Dórea e o fotógrafo Mário Edson para a concepção ao vivo de um painel grafitado, em tributo à escritora.

A obra integra o projeto CLARICES, assinada pelo ME Ateliê de Fotografia, Santo Antônio Além do Carmo — Ladeira do Boqueirão, nº 6. Abrilhantando ainda mais a comemoração do centenário de Clarice, o público poderá acompanhar de perto a construção do painel em grafite e a performance artística de Iêda Dias, em “Fragmentos de uma Solidão”.

Abrindo o calendário artístico de dezembro, a ação oferece arte, cultura e história de maneira gratuita à população. A assinatura do evento é do fotógrafo, artista plástico e curador Mário Edson, responsável por reunir mais de 50 artistas e suas obras nacionais e internacionais no Centro Histórico.

Para construção do muro, o painel terá a rubrica exclusiva de Raphael Ribeiro — artista conhecido da cena baiana pela obra “Glória a ti neste dia de glória”, feita na Avenida Jequitaia, Calçada (Cidade Baixa), revitalizada em 2020 a pedido pessoal da bilionária Luiza Trajano.

A frente do “Tipografite Studio” — estúdio de tattoo, escritório e galeria de arte, Raphael é conhecido pelo conceito artístico voltado à caligrafia, criações tipográficas e lettering. Através de movimentos, adaptações e construções das letras, o artista propõe obras com estética original, utilizando o significado do termo “caligrafia” (beleza + escrita) como premissa básica no desenvolvimento de suas obras.

Promovendo uma colab artística no grafite, o evento contará também com a presença do artista plástico e professor de arte Oliver Dórea. Autodidata, o baiano iniciou suas atividades ainda criança, fazendo sua primeira exposição artística aos 10 anos de idade — intitulada “Filho de Peixe, Peixinho É”.

A época, o jovem artista abordava a influência dos pais nos filhos e como elas se manifestavam, uma ideia tirada de sua herança genética e artística por ser filho do cantor e compositor baiano Gilson Menezes, mais conhecido como “Tatau”. Desenvolvendo projetos e experimentações artísticas de técnicas mistas, desenhos, gravuras, pinturas, esculturas e cerâmicas, Oliver foi escolhido como jovem promessa pelo curador do “Circuito de Arte e Moda”, Leonel Mattos, entre mais de 100 artistas visuais.

Oliver Dórea, juntamente a Raphael Ribeiro, Mário Edson e Iêda Dias, tem pela frente o desafio de trazer para o mundo real a subjetividade e o encanto dos trabalhos de Clarice Lispector no dia 10 de dezembro — data de nascimento da escritora, no ano de 1920 em Chechelnyk (UKR).

SERVIÇO

Grafitagem com Raphael Ribeiro (Tipografite) e Oliver Dórea.

Onde: ME Ateliê da Fotografia, Santo Antônio Além do Carmo — Ladeira do Boqueirão, nº 6
Quando: 10 de dezembro, quinta-feira.
Horário: a partir das 10h;
Gratuito

Equipe Canal In

Repórter: Lucas Gomes

Editor: Ricardo Henrique

Foto: divulgação

Compartilhe essa postagem