Começam as inscrições para o Prêmio Semear Internacional de Jornalismo, que distribuirá R$ 70 mil

 O prazo final será adiado, em função da pandemia do COVID-19

Começa, na próxima quarta-feira, dia 1º de abril, o período de inscrições para o Prêmio Semear Internacional de Jornalismo, que irá escolher as melhores reportagens sobre boas práticas rurais. O concurso é voltado para profissionais de imprensa e irá distribuir R$ 70.000,00 em prêmios, divididos em quatro categorias: impresso, televisão, rádio e internet. Os primeiros colocados em cada categoria receberão, cada um, o valor de R$ 12.500,00, enquanto os quatro segundos lugares ganharão R$ 5.000,00 cada, além de troféus e certificados.

Inicialmente, o prazo para as inscrições iria até o dia 15 de julho, porém, em função da pandemia provocada pelo COVID-19, ele será estendido e a nova data será comunicada em breve pela organização. Dessa maneira, os jornalistas terão mais tempo para produzirem suas matérias em segurança. Até lá, serão aceitas reportagens já realizadas esse ano, desde o dia 15 de janeiro, ou seja, anteriormente à chegada da doença ao Brasil.

 

As matérias jornalísticas devem abordar temas como: comercialização de produtos da agricultura familiar, técnicas de beneficiamento, protagonismo de jovens rurais, ações focadas no empoderamento de mulheres, quilombolas e indígenas na zona rural, e mudanças e impactos positivos nas comunidades atendidas pelos projetos apoiados pelo FIDA. No Brasil, o Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola – FIDA apoia seis projetos, sendo todos na região do Semiárido. E o Semear Internacional, por sua vez, é um programa do FIDA que cuida da gestão do conhecimento desses projetos.

Para participar, os jornalistas devem preencher o formulário disponível no endereço eletrônico www.portalsemear.org.br e enviá-lo, junto com a reportagem, pelos Correios, à Coordenação do Programa Semear Internacional, localizada à Rua da Graça 164, Graça, Salvador, Bahia, CEP 40150-055. As demais orientações podem ser encontradas no edital do Prêmio, também disponível no portal do Semear Internacional.

Compartilhe essa postagem