Edital de sustentabilidade tem prêmio em dinheiro. Saiba

Na terceira etapa, Projeto Origens de Garapuá promove ainda mentoria de história, cultura e arte para professores da rede municipal

“De que forma Garapuá pode ser melhor cuidada e preservada?”. Com este foco, foi lançado o Edital Garapuá Criativo – sua ideia sustentável pode valer muito, pelo Instituto Íris, responsável pelo Projeto Origens de Garapuá. Os interessados podem mandar Whats app para 71 3350-5526, preencher o formulário que será disponibilizado e inscrever as soluções sugeridas. Além de ajudar na preservação do vilarejo, os três primeiros lugares ainda terão uma premiação em dinheiro: R$1.500,00, R$ 1.000,00 e R$500,00 (valores líquidos), respectivamente. As inscrições seguem abertas a todo o público até o dia 24 deste mês. Os vencedores serão anunciados no último fim de semana do mês de março.

“A equipe do Projeto Origens criou o Edital Garapuá Criativo porque considera essa iniciativa de extrema importância para a comunidade e vida de Garapuá”, explica Lila Lopes, diretora executiva do instituto Iris e idealizadora do projeto. “É uma forma que encontramos de beneficiar os moradores que nos acolheram durante a execução do projeto e pensando nas estratégias para construir um amanhã mais sustentável para Garapuá. E nada melhor do que quem vive e conhece o ambiente para contribuir com ideias”, acrescenta.

Nesta etapa, outra iniciativa será focada na educação, com a realização de uma mentoria para formação dos professores locais. “Estamos caminhando para o encerramento do projeto, mas muitas atividades ainda irão acontecer. Nesta terceira etapa, vamos iniciar a formação de professores da rede pública de Garapuá com uma mentoria histórico-cultural, focando em cultura, história e arte daquela região para que eles sejam multiplicadores para os alunos e, em consequência, para a comunidade local”, diz Lila.

Esta ação é reconhecida pela comunidade escolar também. “A gente nasce aqui apreciando as belezas naturais, ouvindo as histórias, mas o tempo passa e algumas coisas se perdem, fora que uma parte dos professores costuma ser de outras localidades. As iniciativas do Origens estão sendo muito importantes e bem recebidas por todos da comunidade, afinal, queremos Garapuá viva para sempre”, afirma Nilza Santos, moradora e diretora do Colégio Municipal José Gomes Aragão.

Idealizado pelo Instituto de Responsabilidade e Investimento Social (ÍRIS) e produzido pela AU Marketing com Propósito, o Projeto Origens tem apoio financeiro do Estado da Bahia, através da Secretaria de Cultura e do Centro de Culturas Populares e Identitárias (Programa Aldir Blanc Bahia), via Lei Aldir Blanc, direcionada pela Secretaria Especial da Cultura do Ministério do Turismo, Governo Federal.

Equipe Canal In

Repórter / Editor: Ricardo Henrique

Foto: divulgação

Compartilhe essa postagem