Cães vão auxiliar no tratamento terapêutico de crianças na Cidade da Luz

Não é novidade que os cães são os nossos melhores amigos, mas sabia que eles também podem ser terapeutas? Sim! Através da Terapia Assistida por Animais (TAA), o projeto “Focinhos Solidários” pretende tornar o tratamento de crianças com problemas psicológicos mais eficaz.


O lançamento do projeto aconteceu na manhã de hoje (10) no centro espírita Cidade da Luz, com a presença dos cães Angus e Mafalda e a equipe de psicólogos do Grupo Neurofuncional de Atendimento e Pesquisa (GNAP Psicologia), idealizadores da ação.

O projeto terá duração de seis meses na instituição com encontros quinzenais. No final,  será lançado um livro contendo os resultados obtidos com o grupo de tratamento.

Pouco difundido na Bahia, o tratamento é realizado pelo grupo há 3 anos. Perguntada pelo Canal In sobre a reação dos pais a terapia, a coordenadora do GNAP, Tatiane Seixas, respondeu: “Acho válida a preocupação dos pais mas Angus e Mafalda são altamente treinados e nosso trabalho é mostrar que eles não são qualquer cachorro. Um cão de terapia é selecionado quando filhote e depois inicia um processo de treinamento, avaliações e testes”. Disse.

A dona de casa Maria das Graças é bisavô de Erick e Kauã, que estão participando da terapia, ela se mostrou otimista com o TAA: ” Eu acredito que as crianças vão ficar mais relaxadas com os cães, por que falar em psicólogo assustam eles, acham que são malucos, mas com os animais eles ficaram muito mais a vontade!” Afirmou.

 

 

 

Equipe Canal In

Repórter Lucas Gomes

Editor Ricardo Henrique

Fotos – Lucas Gomes / Instagram Cidade da Luz

 

Compartilhe essa postagem