Salvador recebe Workshop de Breaking e concurso de Dança de Rua para mulheres

 

Pela primeira vez uma Batalha e uma Roda exclusiva de B.girls no Estado. Esse evento pretende reunir Grupos de Dança de Rua do Estado na disputa total dos prêmios de R$ 3.500,00

 

 

Seguindo a máxima de empoderamento feminino, dois dos três eventos da Liga Baiana de B.Boys e B.Girls (LBBB – 2ª edição) que vão agitar a capital baiana neste  mês de junho serão voltados exclusivamente para o público feminino. Trata-se do Whokshop de Breaking para mulheres e da 1ª Batalha de B.Girls do Estado da Bahia, ambos gratuitos e com inscrições abertas.

No próximo dia 16, um sábado, o Cine Teatro Solar Boa Vista, no Engenho Velho de Brotas, será palco do Whokshop de Breaking para mulheres. O evento gratuito, que acontece das 14h às 16h, é direcionado para B.Girls (dançarinas) de todos os estilos de dança de rua. A aula será ministrada pelas  B.Girls Bia (São Paulo),  Isa ( Alagoas) e San  (Pernanbuco). Para participar, basta se inscrever por meio do formulário:  https://bit.ly/2sscXrm. Vagas limitadas.

Ainda no sábado das 18h ás 20h, a Praça da Sé será o ponto de encontro da Roda de Breaking de B.girls. O evento é aberto ao publico e promete muita dança e criatividade na roda exclusiva para mulheres.

Já no domingo (17), a partir das 13h, o espaço que já foi morada do poeta Castro Alves recebe a 1ª Batalha de B.Girls do Estado da Bahia.  B.Girls que queiram participar da disputa podem se inscrever gratuitamente até sexta-feira (15), através do endereço: https://bit.ly/2JbBF5E .

Uma comissão julgadora composta por três juradas vai eleger a campeã da batalha, que vai levar para casa o prêmio de R$1 mil. As B.Girls que ficarem em segundo e terceiro lugares recebem R$600 e R$300, respectivamente. Para quem não dança, mas quer assistir à competição, os ingressos custam R$6 (inteira) e R$3 (meia) e podem ser adquiridos na bilheteria do teatro. Durante a batalha, a MC NoBlah e os Dj’s: Jarron e Nai Sena vão animar a galera. O evento também contará com grafitagem de Isa Pita e um bate papo com artistas convidados sobre: “A Mulher no Hip Hop”.

 

 

Fotos divulgação.

Compartilhe essa postagem